Depressão Pós-Parto

A Depressão Pós-Parto é uma alteração no humor de grau moderado a severo que acontece após o nascimento da criança.

60% das novas mães passam por uma forte melancolia após o parto conhecida internacionalmente como baby blues.

Sintomas Que a Mãe Pode Apresentar Após o Parto:

Ansiedade;

– Baixa Autoestima;

– Cansaço e Falta de Energia;

– Culpa;

– Desesperança;

– Desinteresse Sexual;

– Distúrbios de Sono;

– Distúrbios na Alimentação;

– Falta de Prazer;

– instabilidade de humor;

– Irritabilidade;

– Isolamento Social;

– Preocupação Constante Com o Bem Estar do Bebê;

– Sentimento de Incompetência;

– Tristeza.

No Brasil cerca de 40% desenvolvem depressão sendo que 10% apresentem a sua forma mais severa.

Em casos mais graves podem ocorrer alucinações (vozes que ordenam algo) para matar o bebê.

A depressão pós-parto esta associada a fatores biológicos, psicológicos e sociais que quando agregados podem estimular a crise.

Como Detectar a Depressão Pós-Parto?

O Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM) da Associação Americana de Psiquiatria considera depressão pós-parto um subtipo de depressão maior.

De acordo com o manual, para depressão pós-parto ser diagnosticada, os sinais e sintomas da depressão devem se desenvolver dentro de quatro semanas após o parto.

A maneira de detectá-la é pela observação do comportamento e dos estados emocionais que a mãe apresentar.

Se os sintomas se agravarem, deve-se procurar ajuda médica ou psicológica.

Como Deve Ser o Tratamento?

Os antidepressivos são os mais indicados e utilizados, geralmente em combinação com a orientação médica.

Você pode começar a sentir-se melhor dentro de 1-3 semanas após iniciar o tratamento com antidepressivos. Mas pode levar até 6-8 semanas para ver mais melhorias.

Se você tiver dúvidas ou preocupações sobre seus medicamentos, ou se você não notar nenhuma melhora por três semanas, marque uma consulta médica.

Geralmente, os antidepressivos são utilizados durante pelo menos seis meses.

Para impedir uma recaída, o seu médico pode indicar o medicamento por até um ano antes de pensar em parar.

Mães que tiveram várias crises de depressão pós-parto podem precisar tomar o medicamento por um longo tempo.

Vale lembrar que a forma de intervenção vai depender sempre da gravidade do quadro apresentado pela mãe.

Como a Família Pode Ajudar a Puérpera?

Geralmente é a família que percebe as mudanças no humor e no comportamento da puérpera (mulher que acabou de dar à luz).

É um momento que requer paciência e colaboração de todos os familiares ao redor.

Além de providenciar profissionais especializados, é muito importante que alguém próximo ofereça ajuda à puérpera (mulher que acabou de dar à luz) quanto ao cuidado do bebê.

O apoio do marido inclusive é decisivo para ajudar a puérpera (mulher que acabou de dar à luz)a reconhecer o seu problema e procurar ajuda.

curasnaturais

Pesquisas que levaram a este artigo:

  • remedio caseiro para depressão pos parto
  • remedio caseiro para recaida pos parto
  • remedio caseiro para irritabilidade
  • tratamento caseiro p irritabilidade
  • cha de recaida pos parto

Sobre curasnaturais

Focado em Remédios caseiros, curas naturais e informações sobre causas, sintomas e dieta para todos os tipos de doenças.

Tags , , , , , , , , , , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *